segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Verdadeiro Papel da Vossa "Alma Gémea"



De André Louro- 19 de Março de 2006

Site de André Louro de Almeida: andrelourodealmeida.blogspot.com

Site para baixar áudios de André Louro de Almeida: engenhariadaascensao.blogspot.com


Hoje vamos explorar um tópico que sei ser de grande interesse e que lhes tem efectivamente causado muita confusão.

É o assunto das "almas gémeas" ou de encontrar a "outra metade" da energia da vossa alma.

Como muitos já sabem, o conceito de alma gémea é bastante verdadeiro e, neste momento, em muitos casos, ambas as almas gémeas estão encarnadas no vosso mundo.

Ainda assim, a humanidade não tem conseguido alcançar a verdadeira essência desta situação, e aqui entra o equívoco, é que no geral a vossa alma gémea não está destinada a ser o vosso parceiro romântico durante a vossa encarnação física na Terra.

Se pensarem bem, compreenderão por que razão isso é assim.

Na verdade, a "alma gémea" É a "outra metade" da mesma energia de alma que encarnou como vocês.

Assim sendo, a energia já é parte do vosso "eu maior" e, ao nível da alma, ela sabe tudo o que há para saber sobre vocês, tal como vocês sabem tudo o que há para saber sobre ela.

Já sabem que encarnaram na Terra com o propósito de aprender e crescer – ora, se esse for o caso, qual seria o objectivo de passar a vida inteira com a outra metade da energia da vossa alma? Que potencial de aprendizagem existiria aí, havendo já uma "combinação perfeita" entre as duas partes?

Todavia, uma vez que ainda se encontram num estágio que não lhes permite compreender plenamente o conceito de "amor de alma", muitos interpretaram o grande amor que naturalmente sentem pela vossa alma gémea como sendo do tipo "romântico", e muitos tentaram materializar esses sentimentos mediante um relacionamento físico.

Uma vez que isso não fazia parte da caminhada de nenhuma das duas partes, a vossa alma teve de criar muitas fricções, desarmonia e desacordo, no sentido de assegurar que um padrão de união "romântica" para toda a vida não fosse desenvolvido.

Portanto, podem perguntar-se, qual é então o propósito do relacionamento com a alma gémea?

Em toda a verdade vos digo que o propósito do relacionamento com a vossa alma gémea enquanto encarnados na Terra é usar a ligação eterna e amorosa entre vocês, no sentido de trabalharem em equipa para se entre - ajudarem a aprender, a crescer, a prosseguir com as respectivas missões na Terra (o que poderá ou não envolver uma cooperação a nível físico), e, assim, a partir do maravilhoso amor de alma que existe entre ambos, serão instigados a explorar o conceito de amor de alma por oposição ao amor físico e até ensinar este conceito aos outros.

Uma vez funcionando a um nível optimizado, o relacionamento da alma gémea fornecerá um extraordinário nível de apoio para as vossas actividades na Terra.

Para muitos de vocês, a vossa missão nesta vida é mais ampla, desafiadora, mais publicamente visível do que qualquer outra coisa que tenham alçando antes como alma, e é por essa razão, e nenhuma outra, que muitos escolheram encarnar ao mesmo tempo que a vossa alma gémea.

Portanto, para aqueles que ainda se encontram consumidos por um relacionamento "perdido" com a vossa alma gémea, ou que "anseiam" pelo relacionamento que acham que ainda está para vir, aconselho-vos vivamente a libertarem-se desses preceitos.

Libertem-se dessas "noções românticas" ao estilo da Terra acerca do papel e função da vossa alma gémea e permitam que esse relacionamento se torne a ligação de alma maravilhosa, amorosa e sustentada que é suposto ser.

Pois, verão que o vosso/a "companheiro/a romântico/a para a vida", se tal fizer parte da vossa caminhada, não será a vossa alma gémea.


Por André Louro de Almeida


Web site desta Imagem

Sem comentários: